Pesquisa do Procon-SP revela novo aumento no preço de repelentes | Governo do Estado de São Paulo – JORNAL ALEF

Março 13, 2024 1 Por admin




DownloadAção emergencial contra arbovirosesDengue é causada pelo mosquisto Aedes aegypti

O Procon-SP apurou que o preço médio de repelentes corporais contra insetos aumentou 9,95% entre os dias 1 e 8 de março. A órgão de defesa do consumidor realiza pesquisas desde fevereiro, quando os casos diagnosticados de dengue aumentaram em todo o estado. Especialistas do Procon-SP fizeram o levantamento em cinco sites e compararam os preços coletados entre essas duas datas.

Veja o relatório completo aqui: https://www.procon.sp.gov.br/wp-content/uploads/2024/03/Comparativorepelentes-08-03-24-01-03-24.pdf

Os especialistas também compararam os preços praticados no dia 8 de março para um mesmo item e foram apuradas diferenças expressivas, chegando a até 107% – enquanto em um estabelecimento online o valor era R$ 18,99, em outro o mesmo item estava à venda por R$ 39,38. Foram comparados os preços de nove tipos de repelentes corporais nos cinco sites consultados.

O Procon-SP tem realizado levantamentos de preços de repelentes semanalmente com o objetivo de oferecer informações que auxiliem o consumidor na hora da compra, alertando para a importância da pesquisa de preços e também para a necessidade de prevenção à dengue.

As consultas foram realizadas em dezembro do ano passado; em 15 e 23 de fevereiro deste ano, e em duas datas neste mês de março (dias 1 e 8). O órgão de defesa reforça ainda que ao escolher um produto o consumidor deve ler o rótulo, observando a presença do registro da Anvisa, de eventual restrição de idade, entre outras informações.

Siga o canal “Governo de São Paulo” no WhatsApp: https://bit.ly/govspnozap





Source link